Header

KHEM

março 29th, 2011 | Posted by editor in Músicas | Sabedoria Egípcia | Vídeos AD'OR - (0 Comments)

[stream flv=x:/ad-or.org/wp-content/uploads/2011/03/Kem_Net.flv mp4=x:/ad-or.org/wp-content/uploads/2011/03/Kem_Net.mp4 embed=false share=false width=640 height=360 dock=true controlbar=over bandwidth=high autostart=false /]

Letra da música:

Nilo, azulado espelho

Refletes Aton, braços de sol

Resplandeces Nut em constelações

Lótus te florescem em Iniciações

Lótus, Lótus te florescem em Iniciações

Velando no deserto eterno

Eterno enigma, devoras Esfinge

Os que não se decifram

 

Ah! Trindade divina

Como desvelar de Ísis, o véu?

Flor do mistério

Olho de falcão, Hórus que tudo vê

Onde jaz Osiris

 

Olho, olho de falcão, Hórus que tudo vê

Onde jaz Osiris

Onde? Onde jaz Osiris?

Em sacro-ofício, em sacro-ofício do ser

 

Homem, da águia aprende o vôo,

De Maat recebe a pena

Da justiça e da verdade das Terras de Khem

Khem, do alto da Pirâmide

Lança-te aos céus, ao encontro do Ka

 

Almas! Almas do universo

Cumpram sua missão de lutar

Pelo Baraká

Meu querido Faraó…

agosto 8th, 2008 | Posted by admin in Sabedoria Egípcia | Textos - (1 Comments)


Alma viva a me olhar,
a me desvendar
Mão serena a me guiar,
me ajuda a encontrar o sol,
o teu sol, o meu sol,
o sol de todos nós…

Vivem tuas palavras sãs,
tocam paz nos corações
Sou tua águia a voar,
Sou tua filha a te escutar,
a te encontrar…

Quero mais e sempre,
para sempre,
meu amado faraó.

M. Tânia Carvalho

MOSTRA EGITO 2008

julho 10th, 2008 | Posted by admin in Sabedoria Egípcia - (0 Comments)

Este evento está dando a oportunidade
para quem já foi – de recordar o Egito,
para quem não foi – de saber mais sobre ele,
para quem quer ir – de descobrir que é mais simples
do que imaginava…
Viver ou reviver o Egito é sempre uma delícia,
uma pausa no cotidiano agitado e complicado.
O Egito nos faz lembrar que civilização
é construída com amor, verdade, lealdade
e coerência

O Egito sempre foi mais simples.

M. Tânia Carvalho

Que a luz do Sol leva oito minutos
para alcançar a Terra
Como eles sabiam?
Ora, eles falavam com o Sol!!

M. Tânia Carvalho

O Abismo Primordial de águas espalhava-se por toda
parte, estendendo-se indefinidamente em todas as direções.
Não era como o mar, porque não tem superfície.
As águas originais expandiam-se tanto para cima
como para baixo. Tudo era sem forma.

O presente cosmo é como uma bolha de ar,
no meio do espaço sem limites.
E as águas podem ser ainda encontradas
por toda parte: por baixo da terra, acima do céu e
nas extremidades do mundo. Mares, rios, chuvas,
poços, enchentes…

(mais…)

Não importa como te chamam..
Sempre serás o Alto e o Baixo de mim mesma.
Onde unifico minha alma
com o destino do meu ser.
Onde unifico minhas vidas,
Onde meus sonhos se realizam.

M. Tânia Carvalho